terça-feira, dezembro 7, 2021
InícioCelebridades23 famosos que fizeram transplante capilar e você não sabia - Vogue

23 famosos que fizeram transplante capilar e você não sabia – Vogue

Tudo sobre transplante capilar (Foto: Getty Images)

Você sabia que o transplante capilar é o terceiro procedimento mais procurado pelos homens? A informação é da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) e mostra que questões estéticas também estão no radar deles.

O objecto movimentou as redes sociais quando, na última quinta-feira (11.02), Malvino Salvador contou em seu Instagram estar iniciando o procedimento cirúrgico que retira os folículos capilares de uma espaço mais profuso de fios e os reimplanta nas áreas afetadas. E ele não é o único artista que já contou com a ajuda da tecnologia para restaurar a cabeleira perdida.

A lista é longa e nós tivemos entrada a alguns nomes que já aderiram à técnica:
Roberto Carlos, Rodrigo Faro, Lucas Lucco, Tom Cavalcante, Lucas Lima, Gugu Liberato, Marcos Pasquim, Léo Santana, Bruno Gagliasso, Sérgio Guizé, Paulo Vilhena, Diego Hypolito, Kaká Diniz, Ricardo Maguila, Táto, os sertanejos Marcos e Belutti, Luciano (parceiro músico de Zezé Di Camargo), Frederico (dupla com João Neto), Santiago (dupla com Guilherme), os jogadores de futebol Geuvânio Santos, Fernando Prass e Helinho estão entre os que os vaidosos.

Para esclarecer todas as principais dúvidas sobre o objecto, conversamos com o dr. Thiago Bianco, médico expert em transplantes capilares que é queridinho das celebridades, responsável por cuidar do visual de muitos dos citados supra.

Quer saber quem pode fazer, uma vez que é a cirurgia, se exige manutenção, quais os cuidados necessários, quanto custa um tratamento desse tipo, os motivos para a queda de cabelo e mais? Desmistificamos e revelamos inferior todos os detalhes.

Spoiler: mulheres também fazem!

Transplante capilar (Foto: Reprodução/ Instagram)

Famosos que já fizeram transplante capilar (reprodução/Instagram)

Existe diferença entre implante e transplante capilar?
Implante é um termo que era utilizado para fios sintéticos, alguma coisa que é proibido de ser realizado, pois desculpa muita repudiação. Não deve ser feita sob hipótese alguma. O transplante é realizado com fios do sujeito para o próprio sujeito. Logo transplante capilar é o termo correto.

Quais são os principais motivos que podem levar os homens a perderem cabelo?
O principal deles é a alopécia androgenética, que é a calvície generalidade. Ela tem um componente hereditário, geralmente vindo da segmento materna, repleto pelo cromossomo X, um componente hormonal do próprio sujeito. Ainda existem as desordens orgânicas, hormonais, alterações de tireoide e uso de esteroides.

Quem é capaz para fazer o procedimento de transplante capilar?
Tanto homens uma vez que mulheres que apresentam calvície (alopécia androgenética) ou alguma cicatriz no pele peludo, nas sobrancelhas ou barba. Também é preciso possuir boa uma espaço doadora que seja suficiente para realizar o transplante (manadeira para transplantar), e ter geralmente supra de 20 anos

Qual o momento ideal para procurar um técnico?
Quando a pessoa já percebe sinais de calvície, e quando tem uma legado patível que indique que irá permanecer calvície. Quanto antes houver essa procura, melhor. Porque quanto antes for tratado, mais rápido será estabilizado, e aí as necessidades de restaurações serão menores. O correto é procurar um médico ao primeiro sinal de calvície ou de perda capilar muito extensa (muito intensa).

O resultado desse procedimento é eterno ou necessita de retoques?
Se for feito de forma correta por um cirurgião especializado no objecto, será um resultado permanente. Posteriormente o transplante, o que o paciente deve cuidar é para que os outros fios que não foram transplantados não caiam. Aí que entram os tratamentos para manutenção dos fios originais.

Tudo sobre transplante capilar  (Foto: Flickr)

Tudo sobre transplante capilar (Foto: Flickr)

Em quanto tempo é feito todo o processo normalmente?
Em média entre 8 a 10 horas. O paciente é sedado para dormir durante o procedimento, para que não sinta desconforto qualquer. Cá na minha Clínica de Restauração Capilar, todos os procedimentos são realizados no Meio Cirúrgico existente na própria clínica, e sempre com a presença do anestesista.

Existem riscos no procedimento?
Se ele for feito em lugar incorreto, sem estrutura, por um médico e equipe sem treinamentos, e sem a supervisão de um anestesista, podem ocorrer riscos, sim. Leste procedimento deve ser realizado exclusivamente por médicos experientes.

Porquê deve ser a manutenção do tratamento no dia a dia, em morada?
O paciente tem vida normal, com cabelo normal, onde poderá pintar, usar secador, o xampu que quiser…

Mulheres também costumam fazer esse procedimento?
Atualmente, houve um grande aumento nos transplantes femininos, eles correspondem a 30% dos procedimentos da clínica.  Os motivos mais comuns da procura para elas são para subtracção da testa, com a geração de uma risca mais baixa e harmoniosa com o rosto, e a calvície por causas genéticas hormonais. Hoje em dia, muitas mulheres  também começaram as ter mais perdas capilares pelo uso de hormônios (ex: chips que vêm sendo utilizados).

Quanto custa um transplante capilar?
Aproximadamente R$ 50 milénio reais, mas esse valor pode mudar de convenção com cada caso e com a espaço a ser transplantada. Orçamentos dependem de avaliações individuais e presenciais.

LINKS PATROCINADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MAIS ACESSADOS

COMENTÁRIOS MAIS RECENTES