sábado, novembro 27, 2021
InícioBenefícios e Governo“Bolsonaro está resgatando o RN”

“Bolsonaro está resgatando o RN”

Ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Pelágico. Foto: Valter Campanato / Filial Brasil

“O governo do presidente Jair Bolsonaro está transformando a veras do Rio Grande do Setentrião. Isso está incomodando muita gente”. Desta forma, o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Pelágico, respondeu às críticas feitas por parlamentares petistas sobre sua avaliação da gestão Fátima Bezerra. Ele, que lançou sua pré-candidatura ao Senado pelo RN nesta segunda-feira (27), disse que os deputados estaduais e o senador Jean Paul Prates se esquecem dos benefícios concedidos pelo presidente ao Estado.

“Somente no ano pretérito, foram R$ 812 milhões em recursos para estribar o enfrentamento à pandemia e que teriam servido inclusive para ajudar o governo estadual a colocar os salários em dia. Portanto, todos esses que se erguem para testilhar o presidente Bolsonaro deveriam agradecer o base outorgado ao Rio Grande do Setentrião”, alfinetou Rogério Pelágico.

O ministro disse ainda que o Estado recebeu mais de R$ 150 milhões em recursos para a espaço da saúde e para investimentos e custeio de ações de enfrentamento ao coronavírus. Que, para a segurança pública, foram quase R$ 200 milhões investidos em viaturas, armamentos e equipamentos. E que os parlamentares petistas esquecem de mencionar que todas a vacinas distribuídas no RN e no país foram adquiridas pelo governo federalista”, afirmou.

Rogério Pelágico disse ter muito orgulho de tutelar o governo bolsonarista e que, nunca, na história potiguar, o Rio Grande do Setentrião recebeu tantos investimentos. Segundo ele, já foram investidos R$ 3,5 bilhões, além de financiamentos, construção de moradias e poços, obras de segurança hídrica, doação de máquinas agrícolas, implantação de dessalinizadores, ampliação das linhas de trens urbanos na Região Metropolitana de Natal, drenagem e pavimentação de ruas e estradas e outros benefícios.

“Reafirmo minhas críticas ao governo Fátima Bezerra. O que seus colegas de partido chamam de ‘colocar o RN de pé’ pode ser resumido a três atos: remunerar os salários em dia, fazer propaganda uma vez que sendo responsável pela compra das vacinas e anunciar investimentos tímidos feitos, na grande maioria, com recursos enviados pelo governo federalista”, finalizou.

LINKS PATROCINADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MAIS ACESSADOS

COMENTÁRIOS MAIS RECENTES