terça-feira, dezembro 7, 2021
InícioNegóciosConheça aplicativos para prometer o treino em morada - Pequenas Empresas Grandes...

Conheça aplicativos para prometer o treino em morada – Pequenas Empresas Grandes Negócios

Exercícios com aplicativo (Foto: Pexels)

As plataformas estão repletas de opções de aplicativos para treinar: pagos, gratuitos, específicos para uma modalidade ou tempo. Encontrar um que se juntura no seu perfil, é o primeiro passo para uma vida mais ativa e saudável. Para te ajudar nessa missão, durante três semanas o Estadão testou mais de 20 opções para chegar aos dez melhores (disponíveis para iOS e Android), que você conhece aquém.

Nike Training (Gratuito)

Além de diferentes programas de aulas avulsas, de curta ou longa duração, ele cria um projecto de treino específico a partir das suas metas e quanto tempo tem disponível na semana. As séries são ministradas por meio de instruções em áudio e vídeo, muito muito explicadas.

Down Dog (Gratuito, opção premium por R$ 40,90/ mês)
São diversas práticas de 8 a 90 minutos que fazem questão de incluir um tempo de reflexão. Assim, além de trabalhar os músculos, trabalha também a respiração do usuário. A versão gratuita oferece atividades completas, mas é verosímil ver um progresso simples nos planos pagos.

Adidas Running (Gratuito, opção premium por R$ 31,90/mês)

Iniciantes ou iniciados na corrida, levante app pode ser seu grande coligado para prosseguir nos quilômetros rodados por aí. Com interface simples e intuitiva, ajuda a escoltar seu desempenho e evolução nos treinos, com gráficos e estatísticas. Ao longo da corrida informa seu progresso em tempo real.

BTFIT (Gratuito para aluno da Bodytech ou R$ 24,90/mês)
O grande diferencial do app são as aulas coletivas. Gravadas diariamente, com horários fixos, que você pode testemunhar ao vivo. Os professores são animados, com música, explicam e demonstram os movimentos. Permite minguar as aulas dentro do APP.

Queima Diária (R$ 29,90/ mês)

O aplicativo disponibiliza mais de 450 videoaulas que variam de 5 a 25 minutos. As modalidades são diversas, sempre com um professor fazendo a versão iniciante e outro fazendo o avançado. É verosímil testemunhar na vertical ou deitado e até na Smart TV. Além das aulas, o app oferece receitas e guia nutricional.

Sweat: Fitness para mulheres (R$ 64/mês)
Pensado para mulheres, mas não exclui ninguém. Oferece treinos livres para fazer a qualquer hora com opção de foco em pernas, braços, e até alongamentos; ou para objetivos mais específicos, de longo prazo uma vez que pós-parto, perder peso, lucrar volume muscular, a partir das suas metas. Outro diferencial é o fórum para tirar dúvidas com personal trainers ao volta do mundo. Os áudios são em inglês, mas os descritivos são em português e muito detalhados.

Seven – Treino de 7 Minutos (Gratuito, opção premium R$ 29,90/mês)
A teoria de que com exclusivamente um treino de 7 minutos por dia, você consiga fazer todos os exercícios necessários para boa forma física. É muito lícito e um ótimo incentivo para quem quer estrear em qualquer lugar. E não ache que é pouca coisa, pois dá para convencionar dolorido no dia seguinte do treino. A versão gratuita oferece pouquíssimas opções, por isso vale apostar na versão paga.

Smart Fit (R$ 49,90/mês)
Dissemelhante de outros aplicativos de ateneu, você não precisa ser cliente Smart Fit para ter o app. No entanto, existe a fidelidade mínima de três meses. Além de ter um treino personalizado por um profissional da ateneu, você faz uma vídeo chamada com eles semanalmente para ver uma vez que está indo o treino. O programa é tanto para quem não tem nenhum equipamento em morada, quanto para quem tem ateneu.

Sworkit (R$ 40,90/mês)
O aplicativo oferece mais de 160 exercícios diferentes, que vão de 7 min a 1 hora, sem urgência de equipamento ou muito espaço. É verosímil customizar os treinos, o que é muito lícito para pessoas que têm limitações físicas. O aplicativo sincroniza com o seu aplicativo de música de preferência e disponibiliza playlists animadas ou mais zens. Apesar de todas qualidades, tem um déficit na explicação dos movimentos.

Freeletics (R$ 104, 90)
Um dos maiores riscos ao treinar em morada é gerar uma lesão por erro na prática do treino. Preocupados com isso, o app tem explicação escrita, mais três ângulos diferentes de cada movimento para a pessoa saber exatamente o que fazer. Depois de cada sequência, você dá um feedback falando qual treino teve mais dificuldade, se é preciso aumentar a intensidade ou não, se teve de substituir. Apesar de todo aplicativo ser em português, o áudio é inglês.

LINKS PATROCINADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MAIS ACESSADOS

COMENTÁRIOS MAIS RECENTES