terça-feira, dezembro 7, 2021
InícioCriptomoedasCorretora de criptomoedas Coinbase entra com pedido de lisura de capital depois...

Corretora de criptomoedas Coinbase entra com pedido de lisura de capital depois receita disparar com salto do Bitcoin

SÃO PAULO – A Coinbase, maior corretora de criptomoedas dos Estados Unidos, entrou nesta quinta-feira (25) com pedido para terebrar seu capital, em mais um passo para ter ações listadas na bolsa americana Nasdaq.

Junto com o pedido, a empresa mostrou que sua receita mais do que dobrou no ano pretérito diante da disparada do preço do Bitcoin, principalmente no segundo semestre.

De contrato com o processo, a Coinbase teve receita líquida de US$ 1,14 bilhão em 2020, perante US$ 483 milhões no ano anterior. A empresa também registrou lucro líquido de US$ 322 milhões no ano, depois registrar prejuízo em 2019.

A empresa disse ainda que tinha 43 milhões de usuários verificados no final do ano, com 2,8 milhões realizando transações mensais. As negociações de Bitcoin e Ethereum representaram 56% do volume dos usuários, segundo a empresa.

O processo feito pela Coinbase é para realizar uma listagem direta para oferecer suas ações, em vez da tradicional Oferta Pública Inicial (IPO, na {sigla} em inglês). Neste tipo de listagem, investidores e funcionários convertem suas participações diretamente em ações listadas em bolsa.

Tem sido cada vez mais generalidade empresas trocarem o IPO por uma listagem direta, porquê aconteceu, por exemplo, com a gigante de streaming de música Spotify.

A investida da Coinbase ocorre em meio a um novo boom das criptomoedas, em privativo o Bitcoin, que passou a subir poderoso depois o choque com a pandemia em março do ano pretérito em um cenário de grande injeção de capital pelos bancos centrais levantando suspicácia de analistas e investidores.

Outrossim, tem puxado os preços para cima uma maior aprovação de grandes empresas com a moeda do dedo, caso de Square, Tesla e o banco BNY Mellon, que nos últimos meses anunciaram iniciativas com criptoativos.

Na tarde desta quinta, o Bitcoin operava próximo da segurança, considerando a variação das últimas 24 horas, em torno de US$ 48.600, depois chegar a uma máxima de US$ 58 milénio no último termo de semana.

Invista nos fundos de criptomoedas mais acessíveis do mercado: abra uma conta gratuita na XP!

LINKS PATROCINADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MAIS ACESSADOS

COMENTÁRIOS MAIS RECENTES