sábado, novembro 27, 2021
InícioTecnologiaUniversidade Federalista de Goiás inaugura novidade infraestrutura com tecnologia NVIDIA Enterprise para...

Universidade Federalista de Goiás inaugura novidade infraestrutura com tecnologia NVIDIA Enterprise para projetos de lucidez sintético

Para possibilitar esse progressão, a novidade infraestrutura inclui a compra da NVIDIA DGX A100, o sistema universal para todas as cargas de trabalho de IA

A Universidade Federalista de Goiás, instituição responsável por produzir o primeiro curso superior de bacharelado em lucidez sintético (IA) do Brasil, inaugura uma novidade infraestrutura de tecnologia focada em executar projetos de IA para pesquisa e indústria no dia 21 de outubro.

O Núcleo de Superioridade em Perceptibilidade Sintético (CEIA), uma unidade Embrapii (Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação), é responsável pela iniciativa e conta com investimento de R$ 1,4 milhão da Instauração de Apoio à Pesquisa do Estado de Goiás com associação a recursos da Procuradoria Universal do Estado de Goiás, que desenvolve projetos de inovação com o CEIA.

Para possibilitar esse progressão, a novidade infraestrutura inclui a compra da NVIDIA DGX A100, o sistema universal para todas as cargas de trabalho de IA.

O CEIA será a primeira instituição na América Latina a comprar a DGX A100 com 80 GB de memória, o servidor IA mais rápido do mundo.

O novo equipamento NVIDIA Enterprise irá facilitar com projetos de automação de textos jurídicos, sintetização de voz sintético e reconhecimento de fala. A instituição deve ainda incluir outras ferramentas da repartição NVIDIA Enterprise para inventar as próximas melhorias da infraestrutura.

“Atualmente é difícil imaginar fazer IA de ponta sem o uso de GPUs potentes e modernas porquê a NVIDIA A100. Nós temos vários projetos que estavam aguardando a chegada deste equipamento. A DGX será utilizada 24 horas por dia, 365 dias por ano. Foi instalada com toda a sua capacidade comprometida até meados de 2023. Esperamos processar um tanto em torno de 20Tb de dados por mês”, comenta Anderson da Silva Soares, Coordenador do Núcleo de Superioridade em IA da UFG e Diretor do curso de Redação de IA na UFG. 

Comparando os resultados obtidos com equipamentos antigos, o investimento em uma versão anterior da GPU (uma DGX-1), que ocorreu em 2017, trouxe um retorno direto de tapume de oito vezes do valor investido.

No caso da DGX-A100, já foram fechados contratos que arrecadaram um valor superior ao que foi aplicado. Pelas estimativas da Universidade, até o final de 2022 o retorno será recorde.

“Esse é um grande passo para a comunidade científica, acadêmica e empresarial. É uma conquista que visa desenvolver e testar ideias inovadoras sobre IAs, um tanto que não seria verosímil sem esse tipo de equipamento. Nós, da NVIDIA, ficamos muito felizes de fazer segmento desse desenvolvimento vernáculo”, conta Marcio Aguiar, diretor da repartição Enterprise da NVIDIA para América Latina.

O Brasil porquê um todo se beneficiará muito desse progressão tecnológico. Os alunos, pesquisadores e cientistas de dados poderão praticar suas pesquisas de forma prática e muito mais eficiente. Ao mesmo tempo, as empresas têm a possibilidade de se tornarem mais competitivas no mercado, já que contam com profissionais melhores e podem produzir projetos de inovação avançados”, complementa o coordenador do CEIA.

Inauguração da novidade infraestrutura

A inauguração será no dia 21 de outubro de 2021, às 10h, no recinto do Instituto de Informática, um lugar simples e com o distanciamento social indicado pelos órgãos de saúde.

Em razão dos protocolos sanitários, o número de convidados será reduzido a autoridades e coordenadores de projeto de inovação que utilizam oriente tipo de recurso.

A federação em torno do CEIA tem apresentado números bastante animadores. Nós temos 33 empresas com contratos de projetos de inovação com o CEIA e a iniciativa já é um grande sucesso. Temos um supimpa portfólio de produtos de IA gerados a partir das pesquisas com o uso de GPUs e temos a persuasão que estamos em um bom caminho para fazer a diferença no País”, finaliza Soares.

Sobre a NVIDIA

A invenção da GPU pela NVIDIA (NASDAQ: NVDA), em 1999, estimulou o propagação do mercado de games para PC e redefiniu a computação gráfica moderna, computação de cumeeira desempenho e Perceptibilidade Sintético. O trabalho pioneiro da empresa em computação acelerada e IA tem revolucionado setores de trilhões de dólares, porquê transporte, saúde e manufatura, enquanto incentiva o propagação de muitos outros mercados.

Sobre o CEIA/UFG

O CEIA é uma federação tríplice-hélice entre o Governo do Estado de Goiás, a Universidade Federalista de Goiás e diversas empresas privadas. Lançado em 2019, em que o governo do Estado de Goiás investe tapume de R$ 12 milhões em infraestrutura e realização de pesquisas de longo prazo, o CEIA em unicamente dois anos de funcionamento, já realizou tapume de 40 milhões de reais de projetos de inovação por meio de contratos com 33 empresas de nove estados do Brasil de diferentes setores de atuação tais porquê saúde, vontade, segurança e logística. O CEIA conta ainda com o escora da Embrapii (Empresa Brasileira de Pesquisa Industrial), uma organização social com contrato de gestão com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações – MCTIC.

Engineering aposta em Perceptibilidade Sintético para o gerenciamento de perda de chuva e escora aos novos desafios do Saneamento Imprescindível

Entrevista com Alexandre Torres sobre o Marco Lícito para uso da Perceptibilidade Sintético no Brasil

Soluti lança sua própria tecnologia de identificação facial e entra no mundo da Perceptibilidade Sintético

Perceptibilidade Sintético

Apresentamos o tema Perceptibilidade Sintético – IA, com foco em notícias e artigos voltados para identificação do dedo e segurança da informação.

Acesse cá!

Está tramitando no Congresso Pátrio do Brasil o Projeto de Lei 21/2020 que cria o marco lícito do desenvolvimento e uso da Perceptibilidade Sintético (IA) pelo poder público, por empresas, entidades diversas e pessoas físicas.

Você pode contribuir com artigos técnicos. Escreva para [email protected]

LINKS PATROCINADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MAIS ACESSADOS

COMENTÁRIOS MAIS RECENTES